5 de jan de 2017

Ontem

tava na praia
o céu de um azul inigualável
as folhas dos coqueiros pareciam dançar alguma música
tocava Otto
os pássaros voavam

lembrei você
que voou pra longe
mas que tava em tudo que eu via
sorri
era doce, tudo era doce
entendi

tu não tá dentro de mim
por isso não posso te esquecer
tá em tudo que eu vejo
e não tenho domínio
sorri

foi ontem
dois meses do fim
e pela primeira vez:
doce
era bonito e tranquilo te amar naquele instante
que durou horas

era doce
é doce te amar
como não entendi isso antes?

Nenhum comentário:

Postar um comentário