28 de abr de 2013

Amor é forte, amar é fraco

Pensar na distância faz o coração chorar, antecipa a saudade.
Amor é forte
Amar é fraco

Não sei se me acostumo logo, acalmo a minha alma. Ou se deixo pra depois...
Tanto faz, a dor vai chegar. Já chegou, só falta acomodar-se.
Amar é fraco, muito fraco
Neste momento o amor não está pondo sua força na mesa.

Meu caminho terá de seguir, meus próprios pés, solitários. Eu solitária.
Porque eu não consigo imaginar um sorriso nisso?
A minha boca esboça por engano.
Amar é fraco
Amor está tentando ser forte. Torço por ele...

Eu tento dizer, eu quero dizer. Eu consigo?
Você foi meu descanso, meu encontro.
Ver-te indo já já, é levar parte de mim
Que talvez demore a voltar. Talvez não volte do mesmo jeito
Volta um dia?
Amor é forte sim
Mas amar é tão frágil, tão exposto, tão perigoso

E eu nem imagino tanta coisa sem você
Mas há de ser sem você.
A vida é mesmo muito irônica e boa parte, cruel
O amor, lá vai... tentando ser forte
O amar, coitado, já nem pensa mais nisso.


"Esqueço que amar é quase uma dor..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário