3 de nov de 2014

Eu sou mulher

eu só sei falar de amor
ou de dor
podendo ser
a depender
uma coisa só

e com penar
achei pouco
insignificante

mas a minha dor
e o meu amor
são o que sou
e minha poesia
transversa:
transforma tudo isso
em versos

eu sou mulher
e mesmo que não escrevesse
e mesmo que não lutasse
e ainda que anônima
- como tantas outras -
eu sou mulher
e isso basta

Nenhum comentário:

Postar um comentário